sexta-feira, 14 de março de 2008

Arrematado pela mesa do fundo

Passei dos 100 visitantes!!!

Desde que coloquei na barra lateral aquela tabela com as bandeirinhas, o feedjit, que encontrava em quase todos os blogs, fiquei fascinada com a quantidade de informação que podia retirar disso.

E as bandeirinhas . . . quando aparecia uma nova copiava para dar à filhota.

Depois comecei a ficar feedodependente. Já não me bastavam dez bandeirinhas, nem o saber de e para onde vão os visitantes, queria saber mais. Já não saía do computador. Pouco faltou para ser alimentada a soro (tipo Kit mãos livres). Instalei o geocounter, o geomap e tudo o mais que encontrei.
A coluna de bandeirinhas com números a subir e a piscar, os pontos intermitentes no mapa . . . fiquei hipnotizada.
O feed back dos meus posts é qualquer coisa de extrordinário, nem com o meu marido (ou com os meus irmãos) eu consigo tamanha atenção.
De repente reparo na contagem. Marca 101 . . . "o que é que estou a fazer?" . . . fecho o blog.

Acho que já posso ir estudar.

3 comentários:

st3ve Serigad0 disse...

gostei muito do blog, vou continuar a passar regularmente ;)
Nao desista!

codificacoes.pt.vu

Laurentina disse...

Pois é, blogodependite aguda também sei o que isso é...

só passei para agradecer a visita e desejar um optimo final de semana

beijão grande

Marta disse...

Obrigada.
Eu desistir não desisto mas agora é fácil porque tenho tido tempo.
Até agora os escritos ficavam-se mais pelo papel: folhas soltas, bocados de toalha de mesa rasgados, guardanapos, bilhetes de metro, um pouco como o Alba.
Suportes ainda menos seguros que o digital, sujeitos aos meus acessos de limpeza, a maioria deles li-os uns anos depois e foram parar ao lixo.
Obrigada, também, o post cá está, em rascunho . . . mas sem água em casa tudo leva mais tempo e a paciência vai-se perdendo. Como a minha filha diz "vivemos na casa água sim água não"